castração

Amigos da Mancha ajudando animais e pessoas

A moça acomoda uma sacola em cada braço, põe o capacete, sobe na Vespa, e toca pra Barra Funda. Estaciona na entrada da favela do Moinho, tira das sacolas o saco de ração, começa a alimentar os gatos – e daqui a pouco vão chegando os moradores, que já sabem que ali tem comida e tratamento para os bichos e ajuda e atenção para as gentes.

Isso acontece pelo menos a cada 15 dias. A moça é a Cristina, que há quase uma década começou o trabalho chamado de Clube da Mancha. Mancha era o nome da primeira cachorrinha ajudada pela arquiteta e fotojornalista – que virou mascote e deu o nome ao clube. E os amigos da Mancha somos nós, eu e você, qualquer pessoa que queira ajudar. “Não fazemos nada sozinhos. Contamos com os amigos e amigas para continuar o trabalho”, diz a Cris.

Na favela – ou em prédios ocupados, ou para moradores de rua que têm cachorros – Cristina distribui ração, coleiras anti-pulga, vermífugo. Quando vai junto uma veterinária, cães e gatos são vacinados. As visitas têm como finalidade sensibilizar para a importância da castração, inscrever os animais no próximo mutirão, prepará-los (precisam estar saudáveis, com peso adequado, sem vermes e sem pulgas), e fazer o acompanhamento.

Todo este nosso projeto tem como objetivo localizar e castrar os animais em situação de rua para o fim de crias indesejadas, porque não existem famílias para 75% dos animais ja resgatados por grupos de proteção. A castração é o que garante o fim do ciclo de abandono e maus tratos.

Os mutirões de castração do Clube da Mancha para animais em situação de rua acontecem todos os meses. Uma média de 40 animais são castrados em cada edição do mutirão. Cristina e alguma das amiga da Mancha (as voluntárias não-oficiais, já que a Mancha não é uma ONG) recolhem os animais de manhã cedo, levam para a clínica, e devolvem no final do dia, depois de passada a anestesia – e fazem o acompanhamento com os tutores nos dois dias seguintes, via celular e WhatsApp ou pessoalmente se necessário. As castrações têm custo zero para os tutores dos animais. Os procedimentos são bancados pelos amigos da Mancha. Tudo que a Mancha faz é com ajuda dos colaboradores: a carona para ir à favela levar ração (tente levar um saco de 15kg de ração na Vespa), o transporte para buscar os animais para castrar e devolvê-los, o custo de eventuais procedimentos cirúrgicos (neste mês, por exemplo, foram realizadas duas cirurgias, em uma gatinha com a bacia quebrada e uma cachorrinha com o fêmur quebrado). As coleiras  anticarrapaticidas são doadas pelo projeto Moradores de Rua e Seus Cães;  vacinas são doadas por amigas veterinárias. A vermifugação pré castração, medicação pós castração em caso de piometra (infecção de útero), ou para tratamentos eventuais como sarna, hemograma, raio x e exames complementares a pedido dos veterinários são custeados pelo Clube da Mancha.

A Cris realiza um trabalho grandioso. Incansável, ela envolve e sensibiliza as pessoas para conseguir a colaboração imprescindível para a continuação do projeto dos mutirões de castração. Não seria possível fazer tudo isso sozinha. Para que o trabalho aconteça de forma consistente é preciso uma rede de pessoas interessadas e de boa vontade. E a Cristina tem o carisma necessário para atrair essa rede. Tem amiga que dá carona, amiga que acolhe temporariamente até que sejam adotados, amiga que colabora financeiramente, amiga que faz campanha para arrecadar ração – e assim vai. E a Cris não tem frescura quando se trata de pedir ajuda. Está sempre conversando com alguém, atenta a como cada pessoa pode colaborar, e gentilmente sugerindo que colaborem.

Precisamos da ajuda de todos, da forma que cada um der conta, mesmo que pequena. Ajude a conseguir adoção ou apadrinhamento para um cão e ou gato, entre seus amigos. Promova um evento – bazar, brechó, almoço – para arrecadar contribuições para os mutirões. Doe espaço na sua mídia, compartilhe nas redes sociais nossos posts de divulgação de adoção e apadrinhamento.

Amigos da Mancha é um projeto voluntário que tem recursos apenas de doações. Quer ajudar?

  • Você pode ser madrinha ou padrinho, patrocinando a castração de uma cachorra ou gatinha. Ou colaborar financeiramente com qualquer quantia. Dados para depósito: Bradesco ag 2979 cc 2678-6, em nome de M.C.G.M. de Almeida, CPF 075.226.648-96
  • Você pode oferecer lar temporário para animais que estão para adoção.
  • Você pode doar ração, ou fazer uma campanha de doação de ração entre seus amigos, família, vizinhos, colegas de trabalho.
  • Você pode oferecer carona para levar ração ou buscar e devolver os animais para os mutirões de castração.
  • Você pode acompanhar a Cristina nas visitas aos cães e seus tutores, e ajudar a cadastrar os animais para as castrações, colocar as coleiras, dar medicação, ração, carinho.
  • Você pode divulgar o trabalho da Mancha. Seguir a página no Facebook e no Instagram, compartilhar os posts, comentar e dar muitos likes, para que os posts tenham maior alcance. Quanto mais gente ficar sabendo das ações da Mancha, mais ajuda o projeto consegue.

ACOMPANHE AMIGOS DA MANCHA NAS REDES SOCIAIS:

Facebook – https://www.facebook.com/mancha.ong

Instagram – https://www.instagram.com/amigosdamancha/

Blog – https://clubedamancha.wordpress.com/

E-mail – clube-mancha@bol.com.br

___

Gostou? Veja mais posts sobre bichos.

Curtiu? Segue Herbívora no Facebook e assina o HerbivoraTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*